10.1.11

no brasil, fim de janeiro. editora 34

200 p. - 14 x 21 cm
ISBN 978-85-7326-459-3
2010 - 1ª edição (Acordo Ortográfico)
Prêmio José Saramago de melhor romance - 2007

Vencedor do Prêmio Literário José Saramago em 2007, este livro de valter hugo mãe — poeta, romancista, artista plástico e cantor nascido em 1971 — foi saudado pelo grande escritor português como "uma revolução", um verdadeiro "tsunami literário". Com linguagem exuberante, relata a desastrada existência dos sargas, "nascidos de pai e vaca", e as desventuras de seu primogênito, baltazar serapião, o narrador da história, tragicamente enamorado por ermesinda, de extrema beleza.
Fruto de uma invenção radical, que combina tempos, ritmos e oralidades arcaicos, primitivos, com um recorte narrativo altamente contemporâneo, o remorso de baltazar serapião é daqueles livros excepcionais que parece ter encontrado uma tecla secreta da linguagem, que a dispara e faz florescer de maneira incomparável. Não foi por outra razão que o próprio Saramago, ao lê-lo, afirmou: "às vezes tive a impressão de assistir a um novo parto da língua portuguesa".

8 comentários:

  1. um livro maravilhoso, uma pérola da literatura, inesquecível, definitiva e intemporal

    ResponderEliminar
  2. e devo dizer que também gosto da capa desta edição, e do formato A5, quase de bolso

    ResponderEliminar
  3. Estou curiosíssimo. Pelo resumo postado, o romance deve ser mesmo excelente.

    Abraços

    ResponderEliminar
  4. Excelente... falta o filme.

    ResponderEliminar
  5. O livro e esplendido mas muito dolorido!!!!!!!! Havia passagens que gostoria de esgoela-lo

    ResponderEliminar
  6. Uma leitura que atormenta!
    Magnífico.

    ResponderEliminar